1 de mai de 2008

Outros tempos...

Em 1989, Rubens Fernandes Júnior escreveu uma reportagem sobre cartões postais para a revista IrisFoto. A internet revolucionou esse cenário, em relação à circulação das imagens; em relação ao panorama dos museus e galerias nacionais, infelizmente, nem tanto:

"Considerada uma das melhores do mundo, a fotografia brasileira encontra sérias dificuldades em mostrar sua produção. A maioria dos museus nacionais não possui acervo específico – quando muito, uma coleção de fotografias/fotógrafos nem sempre representativa e poucas vezes acondicionada segundo critérios museológicos de preservação. Raros são os livros publicados que mostram a diversidade do olhar brasileiro e é possível contar nos dedos as galerias especializadas.

Diante desse quadro, os fotógrafos brasileiros têm-se unido em torno de uma tendência internacional, para fazer circular a sua arte: o cartão postal. (...) Já há pelo menos duas coleções organizadas: a das Edições Lumiar e do recém-fundado grupo Ladrões de Alma. Ambos são cooperativas e mantém a prática de decisões coletivas."

...

Nenhum comentário: